--:--
--:--
  • cover
    HITS-60/70/80
  • cover
    POP
  • cover
    Sertanejo
  • cover
    TBT SAMBA
  • cover
    TBT Web Rádio
Anterior
Próximo

Declaração de Wolff aumenta rumores de que Hamilton pode abandonar F1

Chefe da Mercedes diz que piloto está desiludido com a perda do título após o final polêmico do GP de Abu Dhabi

PorAgência O Globo|16/12/2021 15:37

A decepção de Lewis Hamilton com a perda do oitavo título mundial na última volta do GP de Abu Dhabi ao ser ultrapassado por Max Verstappen após o polêmico safety car levantou dúvidas sobre sua permanência na Fórmula 1 na temporada de 2022. Desde a rápida declaração logo após a corrida, o piloto não se pronunciou em suas redes sociais nem deu entrevistas à imprensa. As declarações de Toto Wolff, chefe da equipe Mercedes, dadas nesta quinta-feira, colaboram para o suspense.

A decepção de Lewis Hamilton com a perda do oitavo título mundial na última volta do GP de Abu Dhabi ao ser ultrapassado por Max Verstappen após o polêmico safety car levantou dúvidas sobre sua permanência na Fórmula 1 na temporada de 2022. Desde a rápida declaração logo após a corrida, o piloto não se pronunciou em suas redes sociais nem deu entrevistas à imprensa. As declarações de Toto Wolff, chefe da equipe Mercedes, dadas nesta quinta-feira, colaboram para o suspense.

Wolff, em sua primeira entrevista após a corrida, não deu certeza se Hamilton estará no cockpit da Mercedes em 2022. O britânico, que completará 37 anos em janeiro, renovou o contrato com a equipe até 2023.

– Espero que Lewis continue competindo porque é o melhor piloto de todos os tempos. Como piloto, seu coração lhe dirá que deve continuar porque ele está no auge da carreira, mas temos que superar a dor causada no domingo. É um homem de valores claros – disse Wolff.